Aposentada de 70 anos sai lesionada ao intervir na briga de filhos, em Lavras da Mangabeira

PUBLICIDADE
20 ago 2014
Idosa foi atingida com um objeto arremessado pelo seu próprio filho (Foto: Ilustrativa)

Idosa foi atingida com um objeto arremessado pelo seu próprio filho (Foto: Ilustrativa)

A polícia de Lavras da Mangabeira foi acionada para atender uma ocorrência de violência doméstica contra uma aposentada de 70 anos por volta das 18 horas desta segunda-feira na Rua Maria Zilda. Dona Antônia Duarte da Silva foi atingida com um objeto arremessado pelo seu próprio filho, Cícero Sobrinho Duarte, de 34 anos, ali residente.

 

O acusado estava discutindo com a sua irmã, Laureci Duarte da Silva, e a mãe dos dois tratou de intervir no conflito para acalmar os ânimos quando terminou lesionada. A jovem ligou para a polícia e os Cabos Silva e Liomar e os Soldados J. Alves e Cavalcante estiveram no imóvel quando conduziram Cícero para a Delegacia de Polícia Civil de Lavras da Mangabeira.

 

Uma hora antes, porém no município de Várzea Alegre, Damiana da Silva Soares, de 32 anos, esteve na delegacia daquele município denunciando o seu ex-companheiro Lucas de Sousa Silva, de 18 anos. Ela mora na Avenida Vicente Alves Costa no centro da cidade e disse ter sido agredida. O Subtenente Jerônimo, o Cabo Roberto e os Soldados Neumano e Mesquita saíram em diligências e prenderam o acusado na Praça da Lagoa no Centro de Várzea Alegre.

 

Já no município de Crato, militares do Ronda do Quarteirão estiveram no imóvel número 45 da Rua 19 de Março no bairro Seminário. Ali foram informados sobre o desaparecimento, há quase um mês, de Maria José dos Santos, de 35 anos de idade. Os PMs aconselharam familiares a registrarem um Boletim de Ocorrência (BO) na Delegacia de Polícia Civil e recorrerem ainda ao apoio da Imprensa para tentar descobrir o paradeiro dela.

 

Agência Miséria

Comentários