Corpo de doente mental é encontrado em lagoa dois dias após se afogar em Campos Sales

PUBLICIDADE
15 maio 2015
Corpo foi encontrado na tarde desta quinta-feira (14) . FOTO: ARQUIVO / AGÊNCIA MISÉRIA

Corpo foi encontrado na tarde desta quinta-feira (14) . FOTO: ARQUIVO / AGÊNCIA MISÉRIA

Populares encontraram por volta das 14 horas desta quinta-feira o corpo de Francisco Cícero Salviano, de 56 anos, que residia no Sítio Caldeirão situado a uma distância média de 5 Km em relação ao centro de Campos Sales. Ele era doente mental e estava desaparecido desde a última terça-feira quando foi visto indo sozinho na direção da lagoa que fica na localidade.

 

Provavelmente foi tomar banho e não retornou mais à superfície após cair nas águas. Buscas já tinham sido feitas no manancial, mas sem o êxito de encontrar até que o corpo boiou dois dias após e foi visto por populares que avisaram à polícia. A patrulha comandada pelo Sargento Juca com o apoio do Cabo B. Silva e dos Soldados Ednilton, Stefano, Cesário e Vanúcio esteve no local adotando as providências.

 

Trata-se do terceiro caso de afogamento este mês no Cariri. No dia 1º de maio Vítor Marques Oliveira, de 6 anos, que residia na Avenida Fortaleza em Salitre, morreu afogado na piscina da casa do ex-prefeito Agenor Ribeiro, onde a mãe trabalha como doméstica. No dia seguinte o corpo de Maria Jacinta Furtado de Morais, de 37 anos, que residia no Sítio Serra Velha em Mauriti e tinha problemas mentais, foi encontrado dentro de um cacimbão perto de sua casa.

 

Agência Miséria

Comentários