El Niño perde força e tendência é de chuvas acima da média no Cariri

El Niño perde força e tendência é de chuvas acima da média no Cariri

PUBLICIDADE
8 fev 2019

Até a manhã desta sexta-feira, 8, a previsão era de chuva em todo o território cearense. Na região do Cariri, a expectativa até então era de diminuição da incidência de chuvas após esse período. No entanto, o meteorologista da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), Raul Fritz, projeta que o El Niño aponta tendência de enfraquecimento.

 

De acordo com a Funceme, El Niño aponta tendência de enfraquecimento do fenômeno.

 

O período chuvoso, que vai deste mês de fevereiro à maio, é fruto de influência direta da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), o principal sistema meteorológico de chuva. Fritz destaca que a quadra é reflexo das condições oceânicas e atmosféricas favoráveis ao momento.

 

Previsão da Funceme na segunda quinzena de janeiro indicava tendência de chuva “ligeiramente abaixo da média”. No entanto, mudanças têm se evidenciado nas últimas semanas.

 

“O fenômeno El Niño, que levava a uma possível tendência de chuvas abaixo da média no Cariri está mostrando enfraquecimento. Ele não se configurou ainda como fenômeno típico e mostra uma tendência de enfraquecimento do aquecimento do Oceano Pacífico”, explicou em entrevista à rádio O POVO CBN Cariri. “Se essa tendência perdurar, é uma possibilidade maior de ter chuvas mais próximas da média e até quem sabe um pouco acima da média”.

 

A Funceme vai emitir um segundo prognóstico sobre a situação no início da segunda quinzena deste mês.

 

Fonte: O Povo Online

Comentários