Felipão não é mais técnico da seleção brasileira

PUBLICIDADE
14 jul 2014
Foto: Reuters

Foto: Reuters

Luiz Felipe Scolari não é mais o treinador da seleção brasileira, informou o canal TV Globo. A CBF ainda não confirmou oficialmente. De acordo com a emissora, além do treinador, Carlos Alberto Parreira e toda a comissão técnica também perderam os cargos.

 

Depois da derrota para Holanda por 3 a 0, na disputa pelo terceiro lugar, Scolari afirmou que tinha deixado o seu cargo à disposição do presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin. “Quem tem que decidir é o presidente”, falou Felipão.

 

Ele afirmou que entregaria um relatório para o dirigente e que somente depois o seu futuro seria decidido. Após sofrer a goleada para Alemanha por 7 a 1, Felipão tinha defendido o seu trabalho e leu os resultados obtidos à frente da seleção nessa segunda passagem.

 

“Em 2013/2014, foram 28 amistosos, com 19 vitórias, seis empates e três derrotas. Em jogos oficiais, foram 11 jogos, com oito vitórias, dois empates e uma derrota”, disse Felipão, que depois dessa declaração acumulou mais uma derrota, os 3 a 0 para a Holanda na disputa pelo terceiro lugar.

Folhapress

Comentários