Lei de acessibilidade a deficientes é ignorada em Aurora

PUBLICIDADE
9 ago 2014
A prática mais comum observada é a de estacionar veículos em frente as rampas de acesso, (Foto: AquiConectados)

A prática mais comum observada é a de estacionar veículos em frente as rampas de acesso, (Foto: AquiConectados)

13h e 15 min – A Lei Federal Nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000, que estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida está sendo ignorada constantemente em vias públicas da cidade de Aurora, principalmente por motoristas e motociclistas, onde possuem equipamentos públicos e privados, como praças e agências bancárias, por exemplo.

 

A prática mais comum observada é a de estacionar veículos em frente as rampas de acesso, como se estas fossem invisíveis.

 

Nota-se também que a maioria dos comerciantes aurorenses, sobretudo, os menores, ainda não possui a preocupação de oferecer mais comodidade aos portadores de deficiência, mediante a implantação de simples rampas, por exemplo. Apesar de ainda estar muito aquém, são os de maior porte de concentram uma leve conscientização.

 

Segundo a própria lei, em um dos itens do artigo 2º, acessibilidade consiste na possibilidade e condição de alcance para utilização, com segurança e autonomia, dos espaços, mobiliários e equipamentos urbanos, das edificações, dos transportes e dos sistemas e meios de comunicação, por pessoa portadora de deficiência ou com mobilidade reduzida, o que não vem sendo levado em conta por muita gente.

 

Veja algumas determinações da lei:

 

 

 

 

 

 

Da Redação

Comentários