Mãe é detida suspeita de agredir filho de 7 meses, no Ceará

Mãe é detida suspeita de agredir filho de 7 meses, no Ceará

PUBLICIDADE
1 nov 2016

Uma mulher foi capturada pela Polícia Militar do Estado do Ceará, suspeita de ter agredido o próprio filho, um bebê de sete meses, no município de Palmácia. A prisão ocorreu na tarde de ontem, após os médicos de uma unidade de saúde denunciarem o caso.

 

Bebê com rosto inchado devido às agressões Foto: Divulgação

Bebê com rosto inchado devido às agressões Foto: Divulgação

 

Uma patrulha da PM foi acionada para um posto de atendimento hospitalar, na localidade de Beira do Sol, sob a informação de lesão corporal contra um menor incapaz. Chegando ao local, os policiais militares constataram que uma criança de sete meses havia recebido atendimentos médicos por conta de um hematoma no olho.

 

Os PMs conduziram a suspeita de 24 anos à Delegacia Municipal de Guaramiranga. Em depoimento, a mulher disse que estava “estressada” e confessou ter batido no rosto da vítima com um chinelo porque ela não parava de chorar.

 

A mãe da criança disse ainda que “tomava remédio controlado”. O Conselho Tutelar do município foi acionado. A infratora foi autuada em flagrante por lesão corporal.

 

FONTE: Diário do Nordeste

Comentários