Mulher morre após ser atropelada pelo ‘Metrô do Cariri’ em Juazeiro do Norte

Mulher morre após ser atropelada pelo ‘Metrô do Cariri’ em Juazeiro do Norte

PUBLICIDADE
4 jun 2018

Uma mulher, identificada como Antônia Alves de Oliveira, de 52 anos, foi atropelada pelo Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), o popular Metrô do Cariri, na manhã desta segunda-feira (04). O acidente aconteceu nas proximidades da EEEP Raimundo Saraiva Coelho, na Avenida Paulo Maia, onde fica uma das estações. Ela foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no fim da manhã.

 

A vítima foi socorrida pelo SAMU e levada ao Hospital Regional do Cariri. (Foto: Felipe Azevedo)

 

O acidente aconteceu por volta das 8h50. Segundo testemunhas, Antônia tentava atravessar os trilhos quando foi colhida pelo veículo. A vítima trabalhava como empregada doméstica próximo ao local da colisão. O maquinista chegou a acionar os freios de emergência, mas não foi suficiente para evitar o choque. A mulher foi atingida na parte lateral do corpo e ficou caída até receber o atendimento.

 

Rapidamente, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi até o local socorrer a mulher, que foi levada ao Hospital Regional do Cariri (HRC) em estado grave. Ela faleceu às 11h49. Segundo a assessoria o Hospital, Antônia teve trauma craniano grave e fratura exposta no tornozelo.

 

O VLT faz, diariamente, o trajeto entre Juazeiro do Norte e Crato, ao longo de 13,6 km. No total, são nove estações. Em alguns trechos, há cancelas para evitar a passagem de veículos.

 

Em nota, a Cia Cearense de Transportes Metropolitano informou que o VLT estava operando dentro dos padrões, não havendo nenhuma alteração em seu funcionamento, mas abriu processo de investigação do caso. Além disso, conforme o órgão, os procedimentos de emergência foram realizados, com acionamento de buzina e de freios, na tentativa de evitar o acidente.

 

Fonte: Blog Diário Cariri / Diário do Nordeste

Comentários