Polícia Civil de Aurora prende um dos acusados de aplicar golpe de cerca de R$ 50 mil com falsa autoescola

Polícia Civil de Aurora prende um dos acusados de aplicar golpe de cerca de R$ 50 mil com falsa autoescola

PUBLICIDADE
29 jun 2017

Joaquim Bernardo de Sousa Júnior foi preso preventivamente pela Polícia. FOTO: REPRODUÇÃO / FACEBOOK

A Polícia Civil de Aurora cumpriu um mandado de prisão preventiva em desfavor de Joaquim Bernardo de Sousa Júnior, conhecido por “Bernardo”. Ele é acusado pela prática do crime de estelionato.

 

De acordo com as investigações, os acusados Joaquim Bernardo de Sousa Júnior e Lázaro Ferreira de Araújo abriram uma Autoescola em Aurora, denominada “Nova Alternativa” e realizaram a inscrição de diversos alunos.

 

Nas vésperas da suposta realização de exames médicos e psicotécnico no Detran de Juazeiro do Norte, as vítimas foram surpreendidas com a notícia do assassinato de Joaquim Bernardo de Sousa Júnior.

 

Lázaro Ferreira de Araújo teve a prisão preventiva decretada. Ele permanece foragido. FOTO: REPRODUÇÃO / FACEBOOK

No entanto, após aprofundamento das investigações por parte do Delegado Dr. Felipe Marinho, foi possível verificar que as informações eram inverídicas, tratando-se de um golpe estelionatário e desde então ambos permaneciam foragidos.

 

Segundo apurado, os criminosos causaram um prejuízo a dezenas de pessoas na cidade de Aurora, somando a quantia aproximada de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais).

 

O acusado Lázaro Ferreira de Araújo não compareceu à delegacia para prestar depoimento e teve a prisão preventiva decretada. Lázaro permanece foragido.

 

A Polícia Civil solicita que qualquer informação acerca de Lázaro Ferreira de Araújo, seja fornecida através do WhatsApp (88)9.9983-0771, garantindo sigilo absoluto.

Comentários