Secretaria confirma cinco casos de Chikungunya no Ceará

Secretaria confirma cinco casos de Chikungunya no Ceará

PUBLICIDADE
15 out 2015

O Povo – A Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) confirmou nesta terça-feira, 13, através de “Nota Técnica”, cinco casos da Febre de Chikungunya no Ceará, em 2015. A doença – que é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, o mesmo da dengue – teve dois casos em Fortaleza, dois em Aracati e um em Juazeiro do Norte. Segundo a pasta, três destes foram importados do Oiapoque, da República Dominicana e da Bahia.

 

dengueNo ano passado, o Estado confirmou seis casos de 26 notificações. De acordo com a Sesa, todos foram importados de pessoas que viajaram para países com transmissão da doença, República Dominicana, Suriname e Taiti, registrados nos municípios de Fortaleza (4), Brejo Santo (1) e Aracoiaba (1).

 

A nota faz alerta aos estabelecimentos de saúde, portos e aeroportos para o aparecimento de casos suspeitos de Febre de Chikungunya, a fim de desencadear as ações necessárias de investigação epidemiológica e controle vetorial de forma oportuna, evitando a disseminação da doença. Conforme o documento, diante da circulação do vírus da dengue no Ceará, a infestação do Aedes Aegypti em quase todos os municípios do estado e o fluxo intenso de turistas procedentes de áreas com transmissão, favorecem o risco de introdução e circulação viral.

 

No Brasil, foram registrados neste ano 3.780 casos autóctones de febre Chikungunya, a maioria deles na Bahia, que tem 17 municípios com transmissão da doença, seguida do Amapá, com transmissão em cinco municípios, e Brasília.

 

Caso suspeito

 

Paciente com febre de início súbito maior que 38,5ºC e artralgia ou com artrite intensa de início agudo, não explicado por outras condições, sendo residente ou tendo visitado áreas endêmicas ou epidêmicas até duas semanas antes do início dos sintomas ou que tenha vínculo epidemiológico com caso confirmado.

 

Dengue

 

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado na sexta-feira, 9, o Ceará confirmou este ano 50.583 casos de dengue em 168 municípios. Os casos graves da doença somam 756 confirmações e 62 óbitos. Maio é o mês com o maior número de confirmações, com 15.595 casos registrados, e setembro aparece com o menor número de casos, no total de 366.

Comentários