Sem acordo, Governador Camilo Santana deve adotar ‘neutralidade’ entre candidaturas da oposição em Aurora

Sem acordo, Governador Camilo Santana deve adotar ‘neutralidade’ entre candidaturas da oposição em Aurora

PUBLICIDADE
29 jul 2016
Governador Camilo Santana-PT. Foto: Divulgação

Governador Camilo Santana-PT. Foto: Divulgação

A informação de que o Governador Camilo Santana – PT e toda a cúpula do PDT, incluindo os irmãos Cid e Ciro Gomes irão apoiar a futura candidatura do empresário Marcone Tavares – PSD em Aurora, está sendo desmentida.

 

As duas versões do fato circulam na internet, através de blogs e redes sociais. Enquanto pessoas ligadas a Marcone dão como certos os referidos apoios, outras ligadas ao ex-prefeito Carlos Macedo e o pré-candidato a prefeito Willames Freire – PDT desmentem a informação e acrescentam que Camilo Santana declarou em reunião entre as duas partes, neutralidade na disputa, dada a impossibilidade de junção entre os dois grupos de oposição.

 

Segundo uma fonte ouvida pelo Portal Aquiconectados, a veracidade dos fatos é que Camilo Santana decidiu permanecer ausente da briga política construída entre os dois principais nomes da oposição nesta disputa.

 

É notório que o ‘racha’ na oposição torna ainda mais difícil o objetivo da oposição de retomar o poder, perdido a oito anos, quando o prefeito Adailton Macedo derrotou o candidato do PDT na época, Dr. Alcides Jorge, naquele momento apoiado pelo ex-prefeito Carlos Macedo-PSB.

 

Análise

 

Enquanto isso, o pré-candidato a prefeito pela situação, Dr. Júnior Macedo-PR segue se preparando para o início da campanha com apoios já definidos, como do atual prefeito Adailton Macedo, do ex-deputado e ex-prefeito de Maracanaú – Roberto Pessoa-PR, do Deputado Estadual Danniel Oliveira-PMDB, do senador Eunício Oliveira-PMDB e do senador Tasso Jereissati-PSDB.

Comentários