Na Série A em 2018, Ceará receberá cota de R$ 23 milhões da Rede Globo

PUBLICIDADE
6 dez 2017

O Ceará receberá uma cota quatro vezes mais na Série A do que recebia na ‘Segundona’ ( Thiago Gadelha )

Com os 20 clubes da Série A do Campeonato Brasileiro definidos para 2018, já está sendo divulgada a distribuição de cotas de TV pagas pela Rede Globo, detentora dos direitos de transmissão. Segundo o Observatório da Televisão, o Ceará, que retorna a elite nacional após o acesso este ano, está no 8º bloco de cotas, recebendo  R$ 23 milhões ao lado de América-MG e Paraná. Só para efeito de comparação, o Alvinegro recebeu apenas R$ 5,2 milhões por cota de TV referente à Série B deste ano, ou seja, na elite receberá 4 vezes mais.

 

No total, a Globo vai pagar cerca de R$ 1,331 bilhão para todos os principais clubes de futebol que estão na primeira divisão em 2018. O valor é um recorde se tratando do principal esporte do Brasil em cotas pagas pela TV.

 

Os valores mais altos das cotas são de Flamengo Corinthians, as duas maiores torcidas do Brasil. Cada um vai receber R$ 170 milhões, formando o primeiro bloco.

 

O segundo bloco é composto pelo São Paulo, que receberá R$ 110 milhões. Já o terceiro bloco, que fecha os valores na casa dos três dígitos, é composto por Palmeiras e Vasco, ambos recebendo R$ 100 milhões.

 

O Santos compõe sozinho o quarto bloco, recebendo R$ 80 milhões. O quinto bloco é o maior em número de times, com seis recebendo R$ 60 milhões: Grêmio, Inter, Fluminense, Cruzeiro, Atlético-MG e Botafogo.

 

O sexto bloco tem Bahia, Atlético-PR, Sport e Vitória, com cada um recebendo R$ 35 milhões. A Chapecoense fica sozinha no sétimo bloco, tendo R$ 32 milhões de cota.

 

O oitavo e último bloco é de times que acabaram de subir da Série B. América-MG, Ceará e Paraná vão receber, cada um, R$ 23 milhões.

 

Diário do Nordeste

Comentários